Posts

, ,

Consultoria empresarial: saiba como escolher a melhor opção

Você já ficou na dúvida sobre qual decisão tomar na empresa e gostaria de ter um profissional ao lado para ajudar? Se a resposta for sim, então você já precisou de uma consultoria empresarial.

A consultoria empresarial auxilia a empresa a tomar as melhores decisões, abrir novos mercados, descobrir quais são os pontos fracos do negócio e até mesmo a encontrar os melhores talentos para compor uma equipe. Repare como são vários os benefícios de uma consultoria empresarial.

O difícil para o empresário, porém, é escolher a melhor consultoria. São tantas opções no mercado que deixam qualquer diretor confuso. Marketing? Gestão? Finanças? Recursos Humanos? Qual tipo de assessoria será a melhor opção?

Neste post, vamos dar algumas dicas para escolher a melhor consultoria empresarial e acabar com essa dúvida de uma vez por todas. Boa leitura!

Entenda bem o que sua empresa precisa

Para você contratar uma boa consultoria empresarial, o primeiro (e mais importante) passo é saber exatamente do que sua empresa precisa. Antes de contatar qualquer consultor, faça um diagnóstico interno. Identifique qual é a falha da sua empresa e o que você precisará que o consultor faça.

Com base nesse diagnóstico, você vai ter condições de contratar o profissional ideal para lhe ajudar. Vamos supor que sua empresa esteja com dificuldades no fluxo de caixa, apesar de estar conquistando mais e mais clientes. Nesse caso, o ideal seria contratar um consultor financeiro. Ele vai mostrar como reverter a situação e como transformar clientes em lucro.

E se o problema for outro? Bom, há várias situações. Se você vender pouco, contrate um consultor de marketing. Se tiver dificuldade com mão de obra, procure uma consultoria em recursos humanos. O importante é fazer o diagnóstico com precisão para receber a consultoria adequada para cada caso.

Fique de olho no atendimento da consultoria empresarial

Quando iniciar os primeiros contatos com uma consultoria, considere a qualidade do atendimento. Uma boa consultoria preza pelos seus clientes. Veja se a empresa foi rápida e eficaz no atendimento, se tirou suas dúvidas e se respondeu seus e-mails com agilidade.

Caso contrário, é melhor nem dar continuidade ao processo. Se uma consultoria não atendeu você corretamente durante essa etapa, existe uma chance muito grande de o atendimento piorar ainda mais ao longo de todo o projeto de consultoria. Não deixe isso acontecer.

Cuidado com os preços baixos

Qualidade sempre tem um preço. Essa máxima vale também para o ramo de consultoria. Se alguma empresa fez uma oferta muito abaixo do mercado, desconfie! Preços baixos podem significar que os consultores não têm experiência nem capacidade para atender as suas demandas.

Em geral, as consultorias praticam faixas de preços semelhantes, guiadas pela lei do livre mercado. Quem mantém os valores muito abaixo não conseguiu se firmar pela qualidade e busca um diferencial apenas no preço do serviço oferecido.

Converse com outros clientes da consultoria

Depois de encontrar uma consultoria bacana, que fez uma proposta legal para você, é hora de dar o próximo passo. Nessa etapa, o ideal é saber a opinião de clientes e ex-clientes da consultoria.

Fale com eles. Peça a opinião sobre os trabalhos dos consultores e verifique se a consultoria trouxe resultados práticos. Se as respostas forem positivas, siga em frente. Caso contrário, pense novamente. Afinal, você poderá ser o próximo cliente insatisfeito da lista.

Saiba quem vai executar o projeto

Essa é uma questão importante. Em muitos casos os clientes fecham contrato com um profissional de consultoria, mas na hora de executar o projeto ela destaca outro profissional para trabalhar, que você não conhecia.

Para evitar essa situação, questione quem vai lhe atender, quem será o consultor que estará no dia a dia com você. Essa pergunta simples vai evitar muita dor de cabeça ao longo do projeto.

Gostou das dicas de como contratar a melhor consultoria empresarial para você? Então, entre em contato conosco e saiba mais sobre esse serviço!









,

5 dicas para melhorar os processos na gestão de serviços

Se você deseja ver a empresa em que trabalha crescendo e produzindo bons resultados, está na hora de cuidar da gestão de serviços da sua área. E, para isso, nada melhor do que melhorar os seus processos internos.

Processos precisam estar em constante reavaliação. Todos os dias surgem novas tendências e tecnologias que tornam obsoletas técnicas consideradas avançadas há até pouco tempo. Por isso mesmo, os gestores precisam estar atentos ao mercado para buscarem sempre as melhores soluções para os seus setores.

Para ajudar você, veja, abaixo, 5 dicas para melhorar os processos de gestão de serviços. Acompanhe!

1. Reveja processos

Processos e procedimentos precisam ser revistos e mapeados o tempo todo. É muito comum empresas estarem povoadas por velhos hábitos, que se consolidaram com o tempo e se tornaram aparentemente indispensáveis. Nessas horas, é preciso perguntar-se sobre o porquê desses processos serem feitos da mesma maneira.

Sempre há algo ineficiente escondido em fluxos de trabalho que permanecem parados no tempo. Para que você mantenha o seu setor em consonância com as melhores práticas de mercado, a melhor receita é fazer uma revisão periódica dos seus processos.

2. Conheça as necessidades dos seus clientes

Qualquer área possui clientes. A área comercial, por exemplo, lida com consumidores externos da organização. As áreas de infraestrutura possuem clientes internos, ou seja, os outros setores da empresa.

Você já se perguntou quem são e do que necessitam os seus clientes? Esse pode ser um bom ponto de partida para que você adapte a sua gestão de serviços para atender melhor a quem precisa deles diariamente.

3. Tenha foco e disciplina

O trabalho de quem fornece prestação de serviços, seja interno ou externo, exige uma boa dose de foco e disciplina. Afinal de contas, em geral, essas áreas trabalham com prazos apertados e exercem tarefas que não podem sofrer com erros dos funcionários.

Um processo que começa errado fatalmente termina errado. E isso se reflete em prejuízo para toda a organização.

4. Busque melhoria constante

Um gestor antenado é aquele que está sempre bem informado sobre as tendências tecnológicas para o seu setor. E, hoje em dia, uma novidade aparece a cada segundo.

Por isso, você deve estar sempre participando de fóruns, seminários, treinamentos ou palestras, convivendo de perto com as melhores soluções e com os mais gabaritados profissionais do mercado. Assim, seu setor estará em constante melhoria.

5. Use a tecnologia a favor da gestão de serviços

Processos eficientes pressupõem a utilização de tecnologia. E ela está disponível em grande número atualmente.

Então, é hora de você contar com a tecnologia para automatizar processos manuais e rotineiros. Dessa forma, você consegue agilizar as entregas do seu setor e ainda libera seus funcionários para atuarem em projetos que estejam ligados aos objetivos estratégicos da organização.

Viu só como existem diversos caminhos para que você aprimore a gestão de serviços do seu setor? Seguindo essa trilha, certamente os resultados não demorarão a aparecer. Quer aprender mais sobre este e outros assuntos sobre administração e negócios? Assine, então, nossa newsletter e receba conteúdos em primeira mão!









Outsourcing: o que é, por que usar, como contratar e mais!

A terceirização de atividades — ou outsourcing — ganhou popularidade no meio corporativo nos últimos anos. Buscando reduzir os seus custos operacionais, vários empreendimentos adotaram essa estratégia, que traz flexibilidade e maior performance para rotinas internas.

Mas como o outsourcing pode beneficiar uma empresa e garantir que ela atinja os seus objetivos com mais precisão? Saiba no nosso post de hoje!

O que é o outsourcing?

O outsourcing, também conhecido como terceirização, é um tipo de modelo de negócios em que uma empresa direciona a gestão de algumas atividades para parceiros comerciais.

Eles atuarão na definição de uma rotina de trabalho que buscará a melhor forma possível de executar rotinas corporativas de acordo com o perfil do empreendimento e os padrões do mercado. Assim, a empresa pode direcionar os seus esforços para anteder as demandas dos seus principais clientes.

A terceirização atende qualquer área do empreendimento. Limpeza, gestão de TI ou mesmo os serviços financeiros podem ser direcionados para companhias especializadas nessas áreas. Assim, a companhia consegue focar mais na sua área de atuação, no seu core business, atingindo um nível de competitividade elevado.

Como a sua empresa pode se beneficiar da terceirização de serviços?

A terceirização dos serviços de uma empresa pode gerar uma série de benefícios. Um deles, por exemplo, será o melhor direcionamento dos esforços internos. Todos os profissionais conseguirão focar mais na resolução de problemas de clientes e em rotinas inovadoras.

Como os processos de contratação de profissionais das áreas terceirizadas são simplificados, a empresa reduzirá parte dos seus custos operacionais. Isso gera mais margem para novos investimentos a médio e longo prazos.

As atividades terceirizadas serão executadas por profissionais especializados e, consequentemente, os resultados de todo o negócio passarão por ganhos. As rotinas terão o seu desempenho avaliado de forma contínua, algo que facilita o rastreamento de pontos que necessitam de melhorias.

Como contratar o melhor serviço de outsourcing?

A contratação de um serviço de outsourcing de qualidade envolve uma série de medidas. A primeira a ser tomada é definir quais pontos serão terceirizados. A empresa deve analisar a sua infraestrutura em busca de pontos que necessitam de melhorias e ver como esse tipo de ação pode beneficiá-la.

Se necessário, o feedback de outros clientes deve ser verificado. Isso auxilia a empresa a ter uma visão abrangente sobre os principais pontos do serviço de outsourcing e como ele lida com os seus parceiros comerciais.

Além disso, certificados de qualidade são uma demonstração de que a empresa de outsourcing busca sempre otimizar os seus serviços. Verifique se eles estão relacionados com as áreas de interesse do seu negócio.

Nesse cenário, o contrato de serviços deve ser planejado com cuidado. Busque inserir indicadores de desempenho e adequar as atividades prestadas pela empresa de outsourcing às regras internas de sua companhia. Tenha em mente que esse documento terá todas as normas de regulação entre o cliente e o prestador de serviços e, por isso, ele merece atenção especial.

Você já pensou em fazer outsourcing em  parte das atividades da sua empresa? Tem dúvidas sobre como se dá o processo de terceirização de serviços? Conta para a gente sua história ou traga suas dúvidas fazendo seu comentário!