Posts

GESTÃO DE MUDANÇAS, POR QUE PODE SER TÃO NECESSÁRIO?

GESTÃO DE MUDANÇAS, POR QUE PODE SER TÃO NECESSÁRIO?
===========================================================

A Gestão de Mudanças vem propor uma revisão de estratégias e processos organizacionais, implementando mudanças estruturais, operacionais e táticas. O maior desafio, porém, é conquistar o comprometimento da equipe, para que cooperem com a execução das ações necessárias. Toda mudança gera desconforto e desconfiança, mas é preciso dar o primeiro passo para trilhar um caminho de crescimento. Mudar não é simples, requer muita disciplina e força de vontade, mas é fundamental para o crescimento de qualquer empresa.

Com um mercado cada vez mais competitivo e dinâmico, onde todos estão lutando bravamente para prosperar, algumas reflexões e atitudes são necessárias para as empresas se adaptarem as transformações e alcançar suas metas

A gestão da empresa está intimamente ligada a gestão de mudanças, pois irá propor a implementação das melhores práticas de mercado e consequentemente tornar a empresa mais competitiva.

Vários fatores podem ocorrer para que a empresa implante a gestão de mudanças: Diminuição das vendas, perda de quota de mercado, aumento de custos, redução de rentabilidade, poderão ser claros sinais de uma gestão ineficiente. Também destacamos possíveis insatisfações dos clientes, fornecedores e colaboradores que também são sérios alertas de caráter qualitativo.

Etapas da Gestão de Mudanças:

• Contratação de um líder com o perfil adequado a este tipo de processo ou uma consultoria especializada. Terão que possuir um conjunto de competências, experiência em gerenciamento de conflitos e grande capacidade de liderança;
• Definição de objetivos claros e estratégicos;
• Envolvimento dos colaboradores da empresa e comprometimento nas ações visando alcançar os objetivos definidos;
• Definição da nova missão da empresa;
• Constituir uma equipe/departamento de mudança;
• Atribuição de poderes a um reduzido número de pessoas;
• Não deverão ser delegadas autoridades;
• Promover rápidas melhorias do desempenho, pois motivam os colaboradores e dão credibilidade ao projeto de mudança;
• Apesar da importância do líder, a empresa terá que criar condições, para não depender excessivamente do gestor nas atividades.

O mundo muda cada vez mais rápido, a informação flui em tempo real e a tecnologia oferece cada vez mais ferramentas de automação. A capacidade de mudança organizacional torna-se o principal desafio colocado à gestão. Novos contextos requerem novas abordagens e novas concepções de gestão e fazer das mudanças uma vantagem competitiva torna-se um imperativo de sobrevivência. Hoje, as principais fontes de competição não serão mais produtos, mercados, tecnologia ou mesmo talentos, mas a capacidade de antecipar, aprender e mudar de forma sustentada.

Quer saber mais e receber mais conteúdos direto no seu e-mail? cadastre-se no site Anadi http://bit.ly/2ajzGdj

Gostaria de receber algum conteúdo especifico? comente aqui