Posts

Saiba como escolher um profissional de compras

Pesquisas apontam que, em média, 40% dos custos finais de um produto/serviço têm como início o setor de compras. Toda empresa precisa comprar de outras para oferecer seus bens ou serviços no mercado. O preço que se investe em um insumo interfere no valor final do produto ou serviço ofertado, ou seja, na decisão de compra do cliente final.

Dessa forma, o profissional de compras é fundamental para o negócio: ele é a peça-chave para a empresa conseguir adquirir os insumos necessários com um bom custo-benefício e fechar parcerias vantajosas com os fornecedores.

Para saber comprar é preciso mais que uma boa rede de contatos ou trabalhar com base nas experiências de vendas. É importante que se tenha amplo conhecimento dos processos envolvidos no planejamento da organização, como contatos com fornecedores, gestão de estoque, formação de preço, concorrência de mercado, competitividade, entre outros fatores.

Pensando nisso, separamos algumas competências que você precisa analisar ao escolher um profissional de compras. Confira!

Organização

O setor de compras é acionado por várias frentes de trabalho e se o profissional não for organizado, não vai conseguir começar e terminar nenhuma cotação com resultado satisfatório. Assim, estará sempre atrasado com os assuntos das áreas solicitantes, não conseguindo realizar o trabalho.

Neste sentido, uma boa estratégia de follow up é essencial para manter os trabalhos em ordem.

Relacionamento interpessoal

Esta é uma característica que se espera em todo profissional. Ocorre que, para o profissional de compras, esse atributo é muito mais relevante, pois o departamento de compras atua com diversas áreas como financeiro, produção, engenharia e comercial.

O poder de convencimento também é importante não só para negociar prazos e condições de pagamentos com os fornecedores, mas também para, internamente, negociar prioridades com as áreas solicitantes.

Conhecimento do mercado

É fundamental que o profissional de compras saiba o que está comprando, tendo ciência de quais são os principais riscos e oportunidades do mercado. É relevante saber, por exemplo, se o material usado para produzir o bem que se está comprando é atingido por qualquer fator que possa alterar seu preço final.

De posse desses dados, é possível programar de forma mais estratégica o período para se fazer a compra de forma a trazer o melhor resultado para a empresa.

Alinhamento com os objetivos da empresa

Para que o comprador atue de forma eficiente, ele precisa conhecer quais são os objetivos da organização para a qual trabalha, de forma a ajustar as suas negociações para o alcance destes.

Não é eficiente, por exemplo, negociar uma baixa de preços para a compra de um lote maior de insumos, se a estratégia da organização é a redução de estoques para ganho de espaço, com a intenção de se começar uma nova linha de produção.

Ética

O profissional de compras deve zelar pela ética no seu dia a dia, informando de modo objetivo quais são as regras da organização e a conduta esperada das empresas participantes da concorrência. Ele deve ser honesto e não pode aceitar brindes ou agrados que influenciem a escolha por um determinado fornecedor.

Agora que você já sabe o que analisar ao escolher um profissional de compras, que tal compartilhar este artigo nas redes sociais para que mais pessoas possam interagir com o tema?









5 dicas para melhorar os processos na gestão de serviços

Se você deseja ver a empresa em que trabalha crescendo e produzindo bons resultados, está na hora de cuidar da gestão de serviços da sua área. E, para isso, nada melhor do que melhorar os seus processos internos.

Processos precisam estar em constante reavaliação. Todos os dias surgem novas tendências e tecnologias que tornam obsoletas técnicas consideradas avançadas há até pouco tempo. Por isso mesmo, os gestores precisam estar atentos ao mercado para buscarem sempre as melhores soluções para os seus setores.

Para ajudar você, veja, abaixo, 5 dicas para melhorar os processos de gestão de serviços. Acompanhe!

1. Reveja processos

Processos e procedimentos precisam ser revistos e mapeados o tempo todo. É muito comum empresas estarem povoadas por velhos hábitos, que se consolidaram com o tempo e se tornaram aparentemente indispensáveis. Nessas horas, é preciso perguntar-se sobre o porquê desses processos serem feitos da mesma maneira.

Sempre há algo ineficiente escondido em fluxos de trabalho que permanecem parados no tempo. Para que você mantenha o seu setor em consonância com as melhores práticas de mercado, a melhor receita é fazer uma revisão periódica dos seus processos.

2. Conheça as necessidades dos seus clientes

Qualquer área possui clientes. A área comercial, por exemplo, lida com consumidores externos da organização. As áreas de infraestrutura possuem clientes internos, ou seja, os outros setores da empresa.

Você já se perguntou quem são e do que necessitam os seus clientes? Esse pode ser um bom ponto de partida para que você adapte a sua gestão de serviços para atender melhor a quem precisa deles diariamente.

3. Tenha foco e disciplina

O trabalho de quem fornece prestação de serviços, seja interno ou externo, exige uma boa dose de foco e disciplina. Afinal de contas, em geral, essas áreas trabalham com prazos apertados e exercem tarefas que não podem sofrer com erros dos funcionários.

Um processo que começa errado fatalmente termina errado. E isso se reflete em prejuízo para toda a organização.

4. Busque melhoria constante

Um gestor antenado é aquele que está sempre bem informado sobre as tendências tecnológicas para o seu setor. E, hoje em dia, uma novidade aparece a cada segundo.

Por isso, você deve estar sempre participando de fóruns, seminários, treinamentos ou palestras, convivendo de perto com as melhores soluções e com os mais gabaritados profissionais do mercado. Assim, seu setor estará em constante melhoria.

5. Use a tecnologia a favor da gestão de serviços

Processos eficientes pressupõem a utilização de tecnologia. E ela está disponível em grande número atualmente.

Então, é hora de você contar com a tecnologia para automatizar processos manuais e rotineiros. Dessa forma, você consegue agilizar as entregas do seu setor e ainda libera seus funcionários para atuarem em projetos que estejam ligados aos objetivos estratégicos da organização.

Viu só como existem diversos caminhos para que você aprimore a gestão de serviços do seu setor? Seguindo essa trilha, certamente os resultados não demorarão a aparecer. Quer aprender mais sobre este e outros assuntos sobre administração e negócios? Assine, então, nossa newsletter e receba conteúdos em primeira mão!









Outsourcing: o que é, por que usar, como contratar e mais!

A terceirização de atividades — ou outsourcing — ganhou popularidade no meio corporativo nos últimos anos. Buscando reduzir os seus custos operacionais, vários empreendimentos adotaram essa estratégia, que traz flexibilidade e maior performance para rotinas internas.

Mas como o outsourcing pode beneficiar uma empresa e garantir que ela atinja os seus objetivos com mais precisão? Saiba no nosso post de hoje!

O que é o outsourcing?

O outsourcing, também conhecido como terceirização, é um tipo de modelo de negócios em que uma empresa direciona a gestão de algumas atividades para parceiros comerciais.

Eles atuarão na definição de uma rotina de trabalho que buscará a melhor forma possível de executar rotinas corporativas de acordo com o perfil do empreendimento e os padrões do mercado. Assim, a empresa pode direcionar os seus esforços para anteder as demandas dos seus principais clientes.

A terceirização atende qualquer área do empreendimento. Limpeza, gestão de TI ou mesmo os serviços financeiros podem ser direcionados para companhias especializadas nessas áreas. Assim, a companhia consegue focar mais na sua área de atuação, no seu core business, atingindo um nível de competitividade elevado.

Como a sua empresa pode se beneficiar da terceirização de serviços?

A terceirização dos serviços de uma empresa pode gerar uma série de benefícios. Um deles, por exemplo, será o melhor direcionamento dos esforços internos. Todos os profissionais conseguirão focar mais na resolução de problemas de clientes e em rotinas inovadoras.

Como os processos de contratação de profissionais das áreas terceirizadas são simplificados, a empresa reduzirá parte dos seus custos operacionais. Isso gera mais margem para novos investimentos a médio e longo prazos.

As atividades terceirizadas serão executadas por profissionais especializados e, consequentemente, os resultados de todo o negócio passarão por ganhos. As rotinas terão o seu desempenho avaliado de forma contínua, algo que facilita o rastreamento de pontos que necessitam de melhorias.

Como contratar o melhor serviço de outsourcing?

A contratação de um serviço de outsourcing de qualidade envolve uma série de medidas. A primeira a ser tomada é definir quais pontos serão terceirizados. A empresa deve analisar a sua infraestrutura em busca de pontos que necessitam de melhorias e ver como esse tipo de ação pode beneficiá-la.

Se necessário, o feedback de outros clientes deve ser verificado. Isso auxilia a empresa a ter uma visão abrangente sobre os principais pontos do serviço de outsourcing e como ele lida com os seus parceiros comerciais.

Além disso, certificados de qualidade são uma demonstração de que a empresa de outsourcing busca sempre otimizar os seus serviços. Verifique se eles estão relacionados com as áreas de interesse do seu negócio.

Nesse cenário, o contrato de serviços deve ser planejado com cuidado. Busque inserir indicadores de desempenho e adequar as atividades prestadas pela empresa de outsourcing às regras internas de sua companhia. Tenha em mente que esse documento terá todas as normas de regulação entre o cliente e o prestador de serviços e, por isso, ele merece atenção especial.

Você já pensou em fazer outsourcing em  parte das atividades da sua empresa? Tem dúvidas sobre como se dá o processo de terceirização de serviços? Conta para a gente sua história ou traga suas dúvidas fazendo seu comentário!









Como o mapeamento de processos pode ajudar na gestão de serviços?

Todos os dias, milhares de processos ocorrem para que a sua empresa possa entregar ao cliente o produto final. Eles são, portanto, a alma da organização. E justamente por isso é muito importante investir em mapeamento de processos.

Um erro muito comum na gestão de empresas, sejam elas de pequeno, médio ou grande porte, é o não conhecimento dos processos internos, o que acaba gerando uma enorme perda de tempo e recursos. E o resultado disso é a diminuição da sua margem de lucro.

Para entender o que é mapeamento de processos e como ele ajuda na gestão de serviços, continue a leitura!

Mas, o que é mapeamento de processos?

Antes de entendermos o significado de mapeamento de processos, é importante falarmos sobre o processo em si.

Toda organização é feita de processos. É por meio deles que os insumos entram na organização e são transformados no produto final, aquele que você entrega para o seu cliente. Falando assim parece bastante simples, não é mesmo?

Mas o processo organizacional não é único. A empresa é formada por vários processos, desde os principais (mais ligados à cadeia que gera o produto final) quanto aqueles internos e operacionais. Por exemplo: o pagamento dos salários dos colaboradores nada mais é do que um processo, de responsabilidade do setor financeiro.

Então, podemos entender que mapear processos é o mesmo que estudá-los a fundo, para sabermos tudo o que está ocorrendo na empresa. E o mapeamento é tão importante que deve ser feito constantemente, já que os processos vão ficando viciados ao longo do tempo.

Como o mapeamento pode ajudar a minha empresa?

Na medida em que o tempo vai passando e a organização vai se estruturando, os processos vão se tornando automáticos. Quando isso acontece, significa que as pessoas já realizam as tarefas sem saber se aquela é a melhor forma. Apenas trabalham de um jeito que, na linguagem popular, sempre deu certo.

Ocorre que a tecnologia evolui a cada dia e é por isso que os processos precisam passar por constantes revisões. Uma tarefa realizada manualmente hoje, pode ser automatizada amanhã, tornando-se mais dinâmica e eficaz.

Veja alguns dos benefícios do mapeamento de processos para a sua empresa:

Diminuição de erros

Processos bem mapeados têm um índice de erros bem menor. Um dos motivos é o fato de que os gargalos operacionais têm mais chance de serem descobertos a tempo, já que existe um amplo conhecimento deles.

Acesso ao workflow de trabalho

Quem cuida de cada tarefa? A resposta a essa pergunta é muito importante para que você saiba como cada colaborador cuida da sua parte no todo, que é a organização. Isso leva a empresa a ter uma gestão mais forte, presente e eficaz.

Redução de custos

Todos os dias, a empresa pode perder muito dinheiro por causa de processos mal executados. Desde o desperdício gerado pelo uso incorreto de materiais até o atraso no fechamento de negócios importantes. Processos mapeados funcionam melhor e fazem com que empresa use seus recursos de forma mais eficiente.

O mapeamento de processos é importante não só para entender como os setores da empresa funcionam, mas também para identificar pontos de melhoria, otimizando toda a cadeia produtiva, diminuindo os custos e, consequentemente, aumentando os lucros.

E aí, gostou deste texto? Então compartilhe com seus amigos, nas suas redes sociais!









Você sabe o que é Totvs? Descubra aqui!

O mundo dos negócios está inserido em um fluxo intenso – ou até mesmo desenfreado – de informações. Hoje, mais do que nunca, as empresas têm acesso a uma infinidade de estatísticas e dados relacionados ao microambiente empresarial.

Administrar esse conjunto de informações em tempo real é um grande desafio para o gestor contemporâneo. Você deseja otimizar os processos e reduzir os custos da sua empresa? Então, confira esse artigo e entenda o que é Totvs!

O que é Totvs?

A Totvs é a maior desenvolvedora de sistemas de gestão integrada – os chamados ERP (Enterprise Resource Planning) – da América Latina. Ela oferece soluções tecnológicas a empresas de todos os portes, incluindo softwares de gestão, plataformas colaborativas e consultoria empresarial.

Quer saber se existem soluções tecnológicas específicas para a sua empresa? A Totvs atende a dez segmentos: Agroindústria, Distribuição e Logística, Construção e Projetos, Financial Services, Manufatura, Jurídico, Educacional, Saúde, Varejo e Serviços.

No que consiste a linha Protheus?

A Totvs desenvolve diversos programas de gestão integrada. A linha Protheus reúne quatro softwares essenciais (ERP, CRM, HCM e SCM) para gerenciar os principais processos administrativos de uma organização, seja ela comercial, industrial ou prestadora de serviços. Basicamente, é um combo para facilitar a rotina do seu negócio.

O sistema Protheus permite o total controle da situação financeira, econômica e produtiva da empresa, contribuindo para a dinâmica de decisões. Ele inclui módulos relacionados a áreas diversificadas, como processos administrativos, materiais, recursos humanos, controle de qualidade, comércio exterior e automação comercial.

Como funciona o sistema Protheus?

Em termos técnicos, o Protheus é construído digitalmente com base em uma arquitetura multicamadas (Servidor, Aplicações e Banco de Dados), que possibilita a execução de cada parte do sistema em uma máquina diferente. Dessa forma, ocorre a otimização dos recursos da rede e a integração total entre as funcionalidades.

Com uma interface amigável, o sistema integrado segue conceitos de simplicidade e flexibilidade, permitindo o acesso a diferentes ambientes de rede e bases de dados. Além do mais, dispõe de configurações adaptáveis às necessidades de cada empresa. Invista e personalize o sistema de acordo com a dimensão e natureza do seu negócio.

O que é a plataforma Fluig?

Os softwares desenvolvidos pela Totvs estão ambientados em uma rede social corporativa repleta de funcionalidades – o Fluig. Com uma interface agradável, a plataforma digital permite o gerenciamento integrado de todos os processos e aplicações da empresa, visando produtividade, agilidade e redução de custos.

Trata-se de um espaço colaborativo para reunir clientes, investidores e parceiros em uma rede de compartilhamento de informações. No Fluig, é possível monitorar a performance das equipes, criar fluxos de tarefas, gerenciar documentos e criar ambientes digitais com interfaces personalizadas. Tudo de maneira rápida e intuitiva.

Já pensou em controlar todos os processos da sua empresa em um computador, tablet ou smartphone? O Fluig fornece uma visão geral dos indicadores mais relevantes no desempenho organizacional. Aproveite: a tecnologia chegou!

Como a Totvs pode ajudar a minha empresa?

Além de desenvolver essa ampla plataforma tecnológica, a Totvs oferece consultorias no âmbito do desempenho empresarial, gestão de talentos, tecnologia, operações, cadeia logística, transformação digital, entre outras áreas.

A Totvs também trabalha com e-learning (ensino digital) e cloud computing (computação em nuvem) para agregar serviços de qualidade às organizações atendidas.

Agora que você entendeu o que é Totvs, precisa conhecer as soluções tecnológicas que mais se adequam ao seu negócio. Todos os processos e informações de uma empresa constituem um conhecimento fundamental para o sucesso. Invista na tecnologia!

Quer um processo de gestão integrada na sua empresa? Entre em contato e tire suas dúvidas!









Pare de perder dinheiro! Aprenda como reduzir custos na gestão de serviços

Reduzir custos da empresa não é uma tarefa muito fácil, porém, é necessária. Realizar uma gestão financeira eficiente melhora o fluxo de caixa, otimizando, assim, todos os processos da empresa.

Ao desenvolver uma boa gestão, você vai conseguir arcar com todos os compromissos e, ao mesmo tempo, realizar os investimentos necessários para garantir o sucesso do seu negócio.

Neste artigo, vamos mostrar como é possível reduzir custos na gestão de serviços para que você pare de perder dinheiro. Acompanhe!

Avalie detalhadamente os processos da empresa

Você precisa realizar uma avaliação detalhada dos processos da empresa, e analisar os gastos desnecessários e eliminá-los.

Se existir algum caso em que o gasto não pode ser subtraído, tente, pelo menos, diminuí-lo.

Lembrando sempre que os cortes realizados não devem interferir na qualidade e no aumento da produtividade ou, então, no valor dos serviços prestados.

Assim, você vai conseguir reduzir custos de forma eficiente, sem prejudicar o seu negócio.

Aprimore o controle de seus projetos

Aprimorar o controle dos seus projetos é muito importante, pois é por meio dele que você vai conseguir identificar onde estão os problemas para conseguir eliminá-los.

O controle de projetos pode ser dividido em três fases:

  • acompanhamento: neste momento será necessário registrar todos os dados do projeto, podendo comparar tudo aquilo que está previsto e o que já foi feito;
  • análise: quando será verificado onde estão os problemas;
  • ações corretivas: identificar quais são as soluções pertinentes que devem ser executadas.

Seguindo essas três etapas, você vai conseguir entregar seus projetos dentro do prazo previsto e, sem nenhum transtorno, pois, os problemas já foram identificados e resolvidos.

Otimize o seu estoque

Muitas empresas possuem um grande número de estoque, porém, diversas mercadorias não têm grande rotatividade e acabam estagnadas.

Por outro lado, também existem aqueles produtos que possuem inúmeros pedidos, mas que, na maioria das vezes, faltam no estoque, fazendo com que a empresa deixe de vender.

Para evitar esse tipo de situação, a dica é realizar as suas compras com maior frequência, mas com um número menor de mercadorias.

Assim, você não vai mais se preocupar com mercadorias paralisadas ou com a falta delas.

Tenha vários fornecedores à sua disposição

Nunca conte somente com um fornecedor. Muito pelo contrário: aumente o seu leque de opções, pois, assim, torna-se mais fácil de negociar.

Os fornecedores vão fazer de tudo para conseguir realizar uma venda com os clientes. Por isso, você deve pesquisar preços e solicitar descontos nos pagamentos à vista ou, então, no pagamento adiantado das parcelas.

Assim, você consegue reduzir custos com os seus fornecedores, tudo sem interferir na quantidade de produtos adquiridos pela empresa.

Aposte na automatização para reduzir custos

Ao investir em um sistema de automatização de processos, você vai reduzir custos com documentos em papel, impressões e fotocópias.

Além disso, vai aumentar a produtividade dos seus colaboradores, pois eles não vão precisar mais realizar pequenos serviços de rotina que tomam bastante tempo.

Por fim, tenha em mente que reduzir custos é uma tarefa que exige uma análise minuciosa de toda empresa, pois os gastos que vão ser cortados não devem prejudicar o negócio.

Toda a sua equipe deve estar ciente da necessidade da diminuição de gastos para que ela seja feita de maneira eficiente.

Por isso, ao reduzir custos na gestão de serviços da empresa, engaje os seus colaboradores e faça com que adotem essa ideia.

Gostou das nossas dicas? Então, confira o nosso artigo sobre como gerenciar uma empresa de prestação de serviços!









Plano de controle de produção: aprenda como criar o seu e elimine gargalos

Uma empresa precisa organizar-se para manter sob controle a produção de suas mercadorias, evitando desperdícios e agilizando a confecção e distribuição de seus produtos.

Leia mais