Saiba como otimizar a gestão logística

Dentre as principais metas de todo gestor, otimizar os processos de cada setor da empresa está entre os mais importantes. Adicionar ao funcionamento interno mais rapidez e qualidade, é a melhor maneira de garantir eficiência e retorno financeiro, seja economizando nos custos ou melhorando os índices de produção.

Entretanto, muitas vezes as estratégias criadas para buscar essa melhoria esbarram em problemas de logística. E nem todo mundo sabe como lidar com eles. Por isso, mostraremos aqui tudo o que você precisa saber para otimizar a gestão logística de sua empresa. Confira!

Planeje e controle a linha de produção

Um bom planejamento de processos de produção deve incluir uma descrição bem definida de cada etapa. É fundamental que a gestão desses setores esteja alinhada com a área de logística. O ideal é começar realizando um levantamento de dados em relação aos processos de produção, para identificar possíveis fragilidades na sua estrutura.

Por exemplo, se seu tempo de produção é, em média, mais alto que o de outras empresas do mesmo setor, alguns processos podem ser otimizados. Um problema na linha de suprimentos pode ser a causa desse atraso, gerando gargalos em certos pontos e atraso em outros.

Faça um levantamento dessas informações, em especial relacionando com o funcionamento da logística, para que você possa analisar essa relação e identificar processos que podem ser melhorados.

Esteja alinhado com fornecedores

É interessante considerar a hipótese de compartilhar certos tipos de informação com seus fornecedores, para que eles possam servir como parte do processo de otimização da gestão logística. Um bom exemplo é conceder acesso ao seu sistema de suprimentos.

Desenvolvendo essa boa relação, sua empresa pode contar com a proatividade dos fornecedores para identificarem o momento ideal de repor certos itens em seu estoque. Esse processo economiza tempo para sua gestão e pode render bons descontos na compra dos materiais de reposição.

Faça um planejamento de demanda

Mais do que apenas prever qual será a demanda interna e externa da empresa, você deve desenvolver um planejamento relacionado a isso. A maneira mais eficaz, é levantando informações referentes aos últimos meses e, se necessário, comparar com os mesmos períodos de anos anteriores, para casos de setores nos quais há uma variação na produção de acordo com a época do ano.

Faça uma análise dessas informações e verifique o índice de crescimento da empresa e do mercado no qual ela atua. A partir daí, você estará apto a realizar uma boa projeção da demanda atual. Não se esqueça de levar em conta possíveis variações e imprevistos.

Não descarte um plano B

Uma boa gestão deve estar preparada para qualquer situação. Contar com profissionais qualificados que sejam capazes de prever riscos, é fundamental para toda empresa. E quando o assunto é logística, esse cuidado deve ser redobrado.

Falhas no transporte, por exemplo, podem ocorrer a qualquer momento, principalmente quando contamos com o serviço de empresas terceirizadas. Por isso, certifique-se que cada processo possui um segundo plano de ações para o caso de falha.

Manter uma boa relação com fornecedores alternativos é um bom começo. Numa situação de emergência, isso pode ser um diferencial para solucionar imprevistos.

Lembre-se de que estar um passo à frente dos problemas é essencial para não ser pego de surpresa. Mantenha estas dicas em mente e aplique-as como estratégias para otimizar a gestão logística de sua empresa. Os resultados virão rapidamente!

Gostou do post? Então deixe seu comentário e conte suas experiências no planejamento logístico da sua empresa!